terça-feira, 3 de janeiro de 2017

APÓS ANOS FECHADO, SOBRAL REINAUGURA MUSEU MADI

Localizado às margens do Rio Acaraú, no importante complexo turístico da "Margem Esquerda", da cidade de Sobral, no Norte do Ceará, o Museu Madi retorna com toda a sua força, depois de sete anos fechado. O prédio foi inundado na última cheia do Rio, em 2009, quando a estrutura teve toda a parte elétrica danificada, assim como as paredes, portas de vidro, iluminação, sistema de vedação e arquivos. O que resistiu mesmo, à enxurrada, foi apenas a armação de concreto e ferro, que volta a abrigar as obras. O espaço permaneceu sem atividade ao longo desses anos, à espera de sua reinauguração, ocorrida na última quinta-feira (29).

Inaugurado em 2005, o museu é o único, no País, dedicado ao Movimento Madi, mobilização artística iniciada em 1946 na Argentina pelo húngaro Gyula Kosice, escultor e poeta radicado naquele País, que propôs, juntamente com o uruguaio Carmelo Arden Quin, reunir, num só espaço, todos os ramos da arte, como desenho, pintura, escultura, música, literatura, teatro, arquitetura, dança e outros.

(Diário do Nordeste)

Nenhum comentário:

Postar um comentário