quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Camocinense não sentirá o bônus da Bandeira Verde na conta de luz em Janeiro

O ano de 2017 começa com bandeira verde na conta de luz do mês de janeiro. De acordo com o relatório mensal do Operador Nacional do Sistema (ONS), a condição hidrológica favorável determinou o acionamento de usinas térmicas com “Custo Variável Unitário abaixo de R$ 211,28 por megawatt-hora (R$/MWh)”.

“O valor da térmica acionada ficou em 128,65 R$/MWh e possibilitou a manutenção da bandeira verde, sem custo para todos os consumidores de energia elétrica”, diz nota da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

O sistema de bandeiras tarifárias, criado pela Aneel, indica o custo real da energia produzida. Isto possibilita o uso racional do consumo de eletricidade. As bandeiras tarifárias, de acordo com a agência, funcionam da seguinte maneira: as cores verde, amarela ou vermelha indicam se a energia custará mais ou menos devido às condições de geração de energia elétrica. (Agência Brasil)

Do Blog: Embora opere a bandeira tarifária verde neste mês de Janeiro para todos os consumidores do Brasil, o camocinense não sentirá muito o efeito deste bônus, pois terá que arcar com o altíssimo custo da nova taxa de iluminação pública cobrada pela prefeitura. Alguns casos o aumento chega a 300% do valor cobrado anteriormente. A boa notícia é que a conta deste mês deverá vir com um desconto de 35% em cima da taxa CIP. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário