sábado, 4 de março de 2017

Em sessão lotada, Câmara adia votação do projeto dos funcionários temporários

Ficou para uma outra oportunidade a discussão e votação do projeto de Lei 04/2017 de autoria do executivo municipal que autoriza a contratação dos funcionários temporários do município de Camocim. A expectativa seria que o projeto fosse posto em votação na sessão de ontem, sexta-feira (03), no entanto, o que ocorreu foi apenas a leitura do texto feito pela primeira secretária, vereadora Lúcia da Ematerce. 

O adiamento causou frustração a população que lotou o prédio da Câmara Municipal nesta sexta-feira, afim de acompanhar a votação. Vale ressaltar, que o município de Camocim segue sendo um dos únicos da região que ainda não teve autorização do legislativo para contratação do temporários. As cidades de Granja, Chaval, Barroquinha, Martinópole e Uruoca todas já estão com seus projetos de seleção pública para provimento de cargos públicos devidamente encaminhados. Apenas Camocim atrasou o envio do projeto à Câmara de Vereadores.  

André Martins/CPN

Nenhum comentário:

Postar um comentário