sábado, 24 de junho de 2017

Projeto que tramita no Senado obriga abertura de Bancos aos sábados

O sucesso da movimentação das agências da Caixa Econômica aos sábados, durante o período de saque do FGTS, levou o senador Roberto Muniz (PP-BA) a apresentar um projeto para permitir que bancos e estabelecimentos de crédito funcionem nesse dia da semana.

Os bancos são proibidos de funcionar aos sábados por lei e por resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN), regras que remontam à década de 1960. Para fazer frente à proibição, o senador apresentou na última quinta-feira (22), o projeto que revoga essas normativas.
Para Roberto Muniz, a iniciativa traria vantagem para o consumidor e para o mercado. "A competitividade do setor aumentará e os benefícios da livre concorrência operarão", afirma. Ele cita o exemplo de países que adotam a prática, como Estados Unidos, Inglaterra, França e Austrália, onde muitas agências funcionam aos sábados, geralmente até o meio-dia.
O projeto vai tramitar pelas comissões de Assuntos Econômicos, de Assuntos Sociais e de Defesa do Consumidor, cabendo à última decisão terminativa. Caso aprovado, o projeto segue para a Câmara.

(Jovem Pan Online)

2 comentários:

  1. Pra quê? O povo não tem dinheiro para depositar na segunda, imagine no sábado.
    É muita onda.

    ResponderExcluir
  2. Pra quê? O povo não tem dinheiro para depositar na segunda, imagine no sábado.
    É muita onda.

    ResponderExcluir