quarta-feira, 9 de agosto de 2017

CASO GLEYDSON: Polícia Civil de Camocim prende mais um envolvido no assassinato do radialista

Equipes da Polícia Civil de Camocim sob o comando do delegado, Hebert Ponte efetuaram, nesta terça-feira (08), o cumprimento de mandato de prisão preventiva em nome de Valdir Arruda Lopes, 29 anos, acusado de participação no caso do assassinato do radialista Gleydson Carvalho, executado a tiros em agosto de 2015. O mandado foi expedido nesta semana pelo Juiz da 1° Vara de execuções penais da Comarca de Camocim, Dr. Saulo Gonçalves Santos. 
O acusado foi preso na localidade de Parazinho - Granja no fim da tarde de ontem, em seguida prestou depoimento na delegacia de Polícia Civil de Camocim e se encontra agora recolhido a Cadeia Pública, onde estará a disposição da justiça. 
Segundo informações do Delegado Regional, Dr. Hebert, Valdir teria dado apoio na fuga dos pistoleiros após a ação criminosa. Valdir Arruda Lopes é acusado de integrar organização criminosa armada. 
As informações foram prestadas ao Blog pelo Delegado Dr. Hebert Ponte. 

André Martins/CPN
Foto: divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário