domingo, 26 de novembro de 2017

Bancada governista rejeita pedido de recontratação dos Bombeiros Civis de Camocim

A bancada de situação, aquela que reúne a maioria absoluta de 11 vereadores na Câmara Municipal de Camocim, tem garantido vitórias expressivas para a Prefeita Mônica Aguiar ao longo desta legislatura. Além da vantagem numérica, a gestora conseguiu formar uma unidade sólida capaz de resistir a pressão da oposição e das inúmeras críticas da população. 
Na sessão desta sexta-feira (24), os vereadores de situação rejeitaram dois requerimentos de autoria do tucano Marcos Coelho: um solicitava a recontratação dos bombeiros civis em caráter excepcional, e o outro que solicitava o repasse da verba correspondente a 60% do precatório do Fundef aos professores municipais. Os dois foram desaprovados por 9 votos a 3. A sessão abriu com duas ausências: a do vereador Erasmo Gomes (oposição) e do Ismael Pinheiro (situação).  
Mesmo em menor número, o grupo de oposição tem pautado os assuntos com disposição e afinco no sentido de estimular o debate entorno de matérias de maior interesse da população. 
No requerimento (n° 375) que pede a recontratação dos Bombeiros Civis de Camocim, o autor justificou novamente a necessidade permanente dos serviços de salva-vidas em razão da extensa faixa litorânea e a movimentação turística da cidade em áreas de visitação. Ainda que se tratasse de uma mera solicitação a Prefeita, o grupo de situação não o pedido avançar. 

André Martins/CPN

Nenhum comentário:

Postar um comentário