quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

ASP-CE manifesta apoio integral aos Policiais Militares da 3° Cia do 3° BPM

A Associação dos Policiais Militares e Profissionais de Segurança Pública do estado do Ceará (ASP-CE), manifestaram apoio incondicional aos policiais militares que compõem a 3° Companhia do 3° BPM, em especial aos 4 agentes que estão sendo investigados por desvio de função pública e prevaricação. Inquérito aberto pelo Delegado Regional Dr. Hebert Ponte. 
A audiência havia sido marcada para a manhã de ontem (terça-feira, 20), mas não aconteceu por não comparecimento do delegado Hebert no horário citado. 
Representantes da associação, advogados de defesa e o comandante Major Eduardo de Sousa estiveram presentes na ocasião para acompanhar os policiais. 
A defesa buscará todos os meios legais possíveis para assegurar a inocência dos PM's, bem como a anulação do inquérito aberto. Com a não realização da audiência, um novo encontro deve ser marcado pelo próprio delegado. 
Tudo começou quando os agentes realizaram, segundo alega o Delegado, procedimento de competência restrita a Polícia Civil. Ocorre tal procedimento havia sido autorizado pelo poder judiciário e ministério público local que são os chamados Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO). Relembre o caso

André Martins/CPN

Nenhum comentário:

Postar um comentário