quarta-feira, 9 de maio de 2018

Sobral institui gratificação por armas de fogo apreendidas e tem redução drástica de homicídios

A cidade de Sobral registrou uma queda significativa nas estatísticas de homicídios. De acordo com dados apresentados pela Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança do Ceará (CIOPS), houve uma redução de 57,14%. no número de homicídios registrados no município no último bimestre.

Em outubro e novembro do ano passado, foram registrados 21 homicídios em Sobral, enquanto que, em dezembro e janeiro, esse número caiu para nove. A redução ocorreu depois da inauguração da Uniseg no município, no último dia 18 de dezembro, em solenidade na praça da Coluna da Hora, com a presença do governador Camilo Santana. Os 214 novos policiais que chegaram à cidade – maior contingente de militares de uma só vez encaminhado a Sobral – começaram as atividades no dia 4 de dezembro.

O Prefeito de Sobral Ivo Gomes e o Comandante da Unidade Integrada de Segurança (Uniseg) de Sobral, tenente Marcos Paulo divulgaram o resultado com satisfação. 

Incentivo

Por iniciativa da Prefeitura de Sobral, por intermédio da Secretaria Municipal de Segurança, foi instituída no ano passado através da Câmara de Vereadores a lei nº 1701/2017 que garante bonificação financeira para os agentes de segurança do município que realizarem apreensões de armas de fogo em abordagens policiais. 

Com isto, policiais Civis, Militares, Agentes da Guarda Civil Municipal e de trâsito, policiais rodoviários federais e Agentes Penitenciários que fizerem apreensões são gratificados mensalmente com recursos proporcionais pagos pela Prefeitura. O total da gratificação já ultrapassa R$ 41 mil.

O resultado foi satisfatório para sociedade e para os agentes de segurança que têm seus trabalhos reconhecidos pelo Governo e apresentam resultados. 

André Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário