segunda-feira, 9 de julho de 2018

Caixa eletrônico 24h seria uma boa alternativa para os camocinenses

Camocim, importante cidade litorânea do litoral Oeste do Ceará, com cerca de 65 mil habitantes, enfrenta um sério problema de abastecimento de cédulas nas agências bancárias de Camocim. Já virou rotina, quando chega nos fins de semana e feriados os terminais de auto-atendimento dos bancos ficam vazios, deixando a população e os visitantes sem dinheiro.  

O problema atinge todo o comercio em geral, em especial as atividades ligadas ao turismo, que movimenta o setor de serviços no município. 

A Prefeitura de Camocim, por sua vez, chegou a articular com a empresa que administra os caixas 24 horas no Ceará, porém, foi alertada que o ente público não pode se responsabilizar pelos equipamentos. Apenas as empresas privadas. 

Nos caixas eletrônicos 24hs é possível realizar serviços principais como consulta ao saldo, extrato e o mais importante: saques em dinheiro. Para a maior parte dos usuários esses terminais são uma “mão na roda” quando é preciso ter dinheiro vivo em mãos e não há caixas do banco em que se é correntista por perto.

Enquanto não surgir um empresário em Camocim que se interesse em adquirir um caixa 24h, sobrará transtornos para as pessoas que buscam, sem sucesso, os serviços de autoatendimento dos bancos de Camocim.

André Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário