segunda-feira, 13 de agosto de 2018

‘Estaremos juntos com Ciro no 2º turno e no governo’, diz Haddad

O vice na chapa do ex-presidente Lula e provável candidato de fato do PT à Presidência, Fernando Haddad, deu um afago em Ciro Gomes (PDT) na semana passada.

O PT e o PDT firmaram um pacto de não agressão. Ciro Gomes deve usar os discursos e debates para contestar o tucano Geraldo Alckmin e o governo de Michel Temer.

Ao ser questionado sobre o não fechamento de aliança entre as duas siglas à esquerda no primeiro turno, Haddad disse:

“Tenho certeza de que, embora nós não tenhamos conseguido compor uma única chapa (com Ciro) que representasse o campo progressista contra as candidaturas sobretudo do Meirelles e do Alckmin, que representam a continuidade do governo Temer, nós vamos estar juntos no segundo turno e no governo, porque nós temos o objetivo comum de derrotar esse projeto que está desconstruindo o país”, afirmou o ex-prefeito de São Paulo.

A frase foi dada por Haddad a jornalistas em Curitiba após visita ao ex-presidente Lula na prisão. Lula está inelegível de acordo com a Lei da Ficha Limpa após ter sido condenado em duas instâncias no caso tríplex da Lava Jato, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O ex-ministro de Lula também minimizou a força de Jair Bolsonaro (PSL), líder nas pesquisas em que o ex-presidente petista não aparece.

Fonte: Jovem Pan Online

3 comentários:

  1. ROMEU O tormento da família AGUIAR. ROMEU O NOVO LÍDER DA REGIÃO NORTE. BOLSONARO VEM AI PARA RESOLVER O PROBLEMA DOS BICHIM. GENERAL TEÓFILO GOVERNADOR . A ADM SO GAMBIARRA PIRA

    ResponderExcluir