quarta-feira, 22 de agosto de 2018

MP cria linha de crédito do FGTS para hospitais filantrópicos e santas casas

Congresso Nacional recebeu nesta sexta-feira (17) a Medida Provisória 848/18, que cria uma linha de crédito, com recursos retirados do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), para socorrer as santas casas e os hospitais filantrópicos que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
O fundo poderá disponibilizar para a nova linha 5% do seu programa anual de aplicações. Segundo o Ministério da Saúde, isso equivale a cerca de R$ 4 bilhões este ano. Os operadores serão Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O risco financeiro da operação ficará com os três bancos oficiais.
O texto não fala em prazo para pagamento, mas o vice-líder do governo, deputado Darcísio Perondi (MDB-RS), informou por meio de sua assessoria que será de 10 anos, sem carência. Perondi participou das negociações que deram origem à MP.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

2 comentários:

  1. EITA AS FACÇÕES POLÍTICAS CRIMINOSAS ACHAM É BOM. A FEDERAL ESTÁ DE OLHO .SÓ A FEDERAL MESMO . BOLSONARO VEM AI PARA RESOLVER O PROBLEMA DOS BICHIM . ROMEU O NOVO LÍDER DA REGIÃO NORTE .

    ResponderExcluir
  2. EITA AS FACÇÕES POLÍTICAS CRIMINOSAS ACHAM É BOM. A FEDERAL ESTÁ DE OLHO .SÓ A FEDERAL MESMO . BOLSONARO VEM AI PARA RESOLVER O PROBLEMA DOS BICHIM . ROMEU O NOVO LÍDER DA REGIÃO NORTE .

    ResponderExcluir