quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

FRAUDE na Prefeitura: Mônica Aguiar e tesoureiro Felipe serão chamados para esclarecimentos na Câmara

O vereador Marcos Coelho (PSDB) protocolou na manhã de hoje um requerimento na Secretária da Câmara solicitando que o programador financeiro do Município, Felipe Veras, e a prefeita Monica Aguiar  compareçam ao poder legislativo para explicar para a população, "pormenorizadamente", o episódio que vitimou financeiramente o município de Camocim.

"É dever dos Vereadores exercer a fiscalização dos atos da Administração Pública Municipal. Portanto, estamos solicitando que a Prefeita Mônica Aguiar, e seu Programador Financeiro Felipe Veras, compareçam à Câmara para explicarem, publicamente, sobre as transferências ilegais de recursos públicos, "autorizadas" via WhatsApp, no valor superior a R$500 mil, para contas de fraudadores", escreveu marcos Coelho em postagem no Facebook.

"Tal convocação e convite se justificam, considerando a flagrante irresponsabilidade operacional e moral para com o dinheiro público, considerando, inclusive, que o "modus operandi" na administração pública para efetuar pagamentos é absolutamente distinto de como fora realizado", justificou o vereador em seu requerimento.

André Martins

2 comentários:

  1. SO VAI SE FOR A POLÍCIA FEDERAL NELES. A ROUBALHEIRA E GRANDE.

    ResponderExcluir
  2. A robalheira na prefeitura é enorme
    PF tem que entrar na história e descobrir todas as fraudes que rola dentro da prefeitura

    ResponderExcluir