sexta-feira, 8 de março de 2019

Acusados pela morte do radialista Gleydson Carvalho vão a juri popular

A justiça de primeira instância em Camocim agendou para o próximo dia 27 de março, as nove horas da manhã, o julgamento dos acusados de participação na morte do radialista Gleydson Carvalho, em agosto de 2015. 

O processo que corre na esfera penal da Comarca de Justiça de Camocim completará este ano quatro anos desde o início da tramitação. A peça acusa ao todo 9 pessoas por assassinato duplamente qualificado e organização criminosa armada. 

Por se tratar de crime contra a vida, os pronunciados no processo vão a Júri Popular no Fórum Alcimor Aguiar em Camocim a dita data citada acima. 

O julgamento será comandado pelo Juiz titular da Vara de execuções penais de Camocim, Dr. Mikhail e a acusação será feita pelo promotor de justiça Dr. Evânio Pereira de Matos. 

Réus neste processo: Gisele de Sousa Nascimento - Residente em Amontada, Thiago Lemos da Silva (foragido) intimado, Regina Rocha Lopes (Presa na Cadeia Pública de Sobral). 

Os demais acusados constam em outra ação penal independente e aguardam a pronúncia do processo. 

André Martins/ Fonte: Miqueias Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário