terça-feira, 28 de maio de 2019

Jardineiro herói salva mãe e filha de afogamento em Camocim

Até então parecia um domingo normal na rotina do jardineiro Jorge Sobrinho Pereira, de 45 anos.
Trabalhando há 5 anos no Clube Lago Seco, às margens do Lago Seco, com acesso pelo Bairro Apossados II, mal sabia ele que iria ser protagonista de um ato heroico.
Jorge salvou Elenilda Gomes, de 22 anos, e seu filho, Isaías, de apenas 11 meses, de um fim trágico.
Visivelmente transtornada, Elenilda tentou matar o filho afogado. Segundo ela, a intenção era se matar depois.
Por duas vezes o ato foi evitado pelo jardineiro. O local escolhido por Elenilda é o mais deserto possível na maioria das vezes, principalmente no início da manhã. Apenas Jorge estava nas imediações. Sua iniciativa, ao perceber que a Elenilda não estava aparentando sã consciência, foi crucial para o desfecho do caso.
Após salvar pela segunda vez mãe e filho, Jorge acionou a polícia, pois tudo indicava que Elenilda iria tentar consumar o crime novamente. 
A Polícia Militar prendeu a mãe e entregou o filho à avó paterna. O pai da criança está preso, acusado de tentar matar um policial. Elenilda foi autuada por tentativa de homicídio e foi recolhida à Cadeia de Granja. Em entrevista exclusiva ao Camocim Online, Jorge Sobrinho conta como tudo aconteceu.  

Camocim Online

2 comentários:

  1. a historia dessa moça e sério , segundo informações , a mãe se esforçou , o pai mataram , ela sofreu tentativa de estupro . agora está presa sem ser investigada o real motivos. ela tem q ter um atendimento de profissionais da saúde , e nao esta presa.

    ResponderExcluir
  2. ela e do parazinho , saiu do mesmo dizendo q iria receber dinheiro em Camocim. totalmente desorientada.

    ResponderExcluir