quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Julho termina com o registro de 27 mulheres assassinadas no Ceará. No ano, já são 130

Vinte e sete mulheres foram assassinadas no Ceará no mês de julho em todo o Ceará, elevando para 130 o número de crimes do gênero no estado em sete meses de 2019. Dos 27 homicídios, latrocínios e feminicídios, a maioria aconteceu na Capital, com 13 casos. Outros 10 foram registrados na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).
No Interior do Estado apenas quatro casos de assassinatos de mulheres aconteceram no mês passado, nos seguintes Municípios: Tabuleiro do Norte, Santana do Cariri, Acaraú e Reriutaba. A maioria dos casos se tratou de feminicídio, isto é, crimes passionais em que as mulheres são mortas após terem se separado de seus companheiros agressores.
Além dos 13 crimes em Fortaleza, quatro foram registrados no Município de Caucaia, na RMF.  As vítimas tinham idades entre 14 e 33 anos e foram mortas, em sua maioria, por conta do envolvimento com a guerra de facções criminosas que devasta aquele Município metropolitano desde o começo do ano.

Por Fernando Ribeiro/Ceará News7

Nenhum comentário:

Postar um comentário