quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Família acusa policiais do Raio de Granja de matarem morador de Timonha espancado

As circunstâncias da morte de Antônio Costa morador da comunidade de Timonha, distrito de Granja, serão apuradas pelas autoridades competentes. O fato teria acontecido no final da tarde desta quarta-feira, 29. 

Na manhã desta quinta-feira, 30, várias mensagens compartilhadas nas redes sociais denunciam que Antônio morreu em decorrência de uma ação praticada por policiais do Raio de Granja. Segundo familiares, a vítima voltava do trabalho para casa no final da tarde quando foi abordado por PM's do Raio de Granja, em sua residencia. Depois disso, o mesmo teria sido levado ao pronto socorro da Unidade de Pronto Atendimento - UPA 24hs do município com sinais graves de espancamento, vindo a óbito momentos depois. 

A família acusa os policiais de tortura contra Antônio. Não há informações se o mesmo tem passagem pela polícia ou mesmo se havia alguma denúncia que pesasse contra ele. Segundo informações obtidas pelo Blog, um inquérito será aberto para apurar o procedimento adotado pelos PM's. 

A comunidade e família de Antônio aguardam pronunciamento oficial por parte do comando do Batalhão do Raio de Granja ou pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Pessoal do Ceará.

André Martins

4 comentários:

  1. A familia desse jovem se tiver interesse em levar ao conhecimento do Ministério Público Militar, assim como também levar ao conhecimento(abrir IPM) do controlador geral de Disciplina dos órgãos de segurança pública do Ceará(abrir sindicância devido os PMs geralmente desse Grupo RAIO serem recrutas(novatos na PM, conforme lei 13.407-código de ética da PM),sem ônus, entre em contato com sargento ESIO !!! sargentocruz10@gmail.com lei 13.407 Dos Deveres Militares Estaduais


    Art. 8º. Os deveres éticos, emanados dos valores militares estaduais e que conduzem a atividade profissional sob o signo da retidão moral, são os seguintes: IV - servir à comunidade, procurando, no exercício da su­prema missão de preservar a ordem pública e de proteger a pessoa, promover, sempre, o bem estar comum, dentro da estrita observância das normas jurídicas e das disposições deste Código; XXV - atuar com prudência nas ocorrências militares, evi­tando exacerbá-las; XXVI - respeitar a integridade física, moral e psíquica da pessoa do preso ou de quem seja objeto de incriminação, evitando o uso desnecessário de violência; XXIX - observar os direitos e garantias fundamen­tais, agindo com isenção, eqüidade e absoluto respeito pelo ser humano, não se prevalecendo de sua condição de autoridade pública para a prática de arbitrariedade; Da Violação dos Valores, dos Deveres e da Disciplina


    Seção I

    Disposições Preliminares


    Art. 11. A ofensa aos valores e aos deveres vulnera a disciplina militar, constituindo infração administrativa, penal ou civil, iso­lada ou cumulativamente.


    § 1º. O militar do Estado é responsável pelas decisões que tomar ou pelos atos que praticar, inclusive nas missões expressamente determinadas, bem como pela não-observância ou falta de exação no cumprimento de seus deve­res. ARTIGO 11 § 4º A disciplina e o comportamento do militar estadual estão sujeitos à fiscalização, disciplina e orientação pela Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário, na forma da lei: (redação dada pela Lei N° 14.933, DE 08.06.11)


    I - instaurar e realizar sindicância por suposta transgressão disciplinar que ofenda a incolumidade da pessoa e do patrimônio estranhos às estruturas das Corporações Militares do Estado;

    II - receber sugestões e reclamações, dando a elas o devido encaminhamento, inclusive de denúncias que cheguem ao seu conhecimento, desde que diversas das previstas no inciso I deste parágrafo, bem como acompanhar as suas apurações e soluções;

    III - requerer a instauração de conselho de justificação ou disciplina ou de processo administrativo-disciplinar, bem como acompanhar a sua apuração ou solução.

    contato : sargentocruz10@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Toda Abordagem Deles Ai Eles Ameaça De Matar As Pessoas Principalmente Esse Tal De Dias Ai E Esse Tal De Duarte Eles Colocam Sacos Na Cabeça Da Pessoa E Vários Outras coisas BANDIDOS DE FARDA

    ResponderExcluir
  3. Eles vão fazer de tudo pra se safar esse bandido nós não queremos pra fica rodando em nossa localidade

    ResponderExcluir