domingo, 9 de fevereiro de 2020

BPRaio de Granja: quase 100 traficantes presos e mais de 60 armas de fogo apreendidas em 1 ano

Foto: André Martins
O 4° Pelotão da 3° companhia do 3° Batalhão do Raio inaugurado em julho de 2018 na cidade de Granja, ajudou a mudar o contexto de combate ao crime na região do território granjense. A quantidade de apreensões de armas de fogo e entorpecentes, cumprimento de mandados de prisão, dinheiro recuperado e principalmente prisões e apreensões por trafico de drogas em 12 meses ajudam compreender essa mudança positiva. 

O pelotão vocacionado no combate ao tráfico levou mais de 100 indivíduos pra cadeia por envolvimento na prática criminosa. A isso, soma-se as apreensões de ilícitos como drogas (16,538kg), armas de fogo (66), dinheiro do tráfico (R$ 20.278,35) e cumprimentos de mandado de prisão em aberto contra suspeitos no território granjense. 

Os números relativos são referentes a julho de 2019 ao mesmo período de 2018. Exatamente um ano de atividade do pelotão. 

Outro instrumento de reforço na segurança pública foram as câmeras de videomonitoramento chegadas junto com o novo pelotão e com base instalada dentro da sede do Raio. Dando mais controle e vigilância ao perímetro urbano de Granja. 
Em julho de 2020, o BPRaio de Granja completará dois anos de atuação no território municipal, mas não é necessário chegar até lá para sentir a nova realidade de paz social e sensação de segurança que o pelotão ajudou a construir em parcerias com as demais forças de segurança do município. 

Em março de 2020, o Batalhão de Ronda Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) do Ceará completará 15 anos de atuação no estado. Sua evolução rápida é resultado da sua eficiência no combate ao crime. Isso explica porque a corporação se tornou o maior batalhão de policiamento com motos do Brasil. 

André Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário