quinta-feira, 26 de março de 2020

Ceará registra 1ª morte por coronavírus

O Estado do Ceará registrou a primeira morte por coronavírus na madrugada desta quinta-feira (26). O Sistema Verdes Mares conversou com um familiar que confirmou a morte e citou a causa descrita em laudo.  A reportagem aguarda o posicionamento da Secretaria da Saúde do Ceará. Essa é a quarta morte pelo novo coronavírus no Nordeste, sendo três em Pernambuco. 
A vítima é um homem, de 72 anos, identificado como José Maria Dutra, que residia em Fortaleza. Ele mantinha uma vida ativa e apresentava como comorbidade uma diabetes, e que era controlada, segundo o familiar.  No laudo da morte consta que o idoso morreu em decorrência de uma "insuficiência respiratória causada por uma infecção pulmonar por Covid-19". 
Ele morreu por volta das 2h desta quinta e foi sepultado horas depois, por volta de 9h30, no Jardim Metropolitano, em Eusébio, na Grande Fortaleza. 
A rapidez no sepultamento atende à decisão da Justica do Ceará, assinada no último dia 20, que proibiu a realização de velórios de eventuais mortos em decorrência do novo coronavírus. A medida impõe que o enterro deve acontecer logo depois da liberação do corpo nas unidades hospitalares. 
No último dia 18, o idoso se dirigiu à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Edson Queiroz após sentir alguns sintomas de gripe, além de uma febre e falta de ar, de acorco com o parente dele que conversou com o Sistema Verdes Mares. Ele foi medicado e voltou para casa. 
Dois dias depois, na sexta-feira (20), o quadro de saúde piorou e ele voltou a procurar uma unidade de saúde, mas desta vez o Hospital São José. Desde então, a família vem cumprindo quarentena.
Ao chegar ao local, foi imediatamente encaminhado à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) onde permaneceu até o registro de sua morte.  

Diário do Nordeste 

Nenhum comentário:

Postar um comentário