domingo, 5 de julho de 2020

Ex-funcionárias da Democrata fazem apelo a Prefeita Mônica de Camocim pelo retorno da fábrica

Um grupo de mulheres ex-funcionárias da fábrica Democrata Calçados de Camocim se reuniram com o objetivo de se manifestar para cobrar da Prefeita, Mônica Aguiar, esforços para o retorno do funcionamento da empresa. 

O grupo liderado por mulheres pede que a gestora dê o suporte necessário para reabrir a Democrata de Camocim. "Precisamos voltar com nossos empregos para darmos o sustento de nossas famílias". Disse uma das interlocutoras. 

A Democrata de Camocim encerrou suas atividades no último dia 06 de abril e rescindiu os contratos de trabalho dos quase 600 funcionários diretos da empresa, em virtude dos efeitos da crise econômica gerada pela pandemia do Coronavírus. 

Com a chegada de novos pedidos de calçados, a diretoria da empresa chegou a negociar um possível retorno das atividades nesse período adotando todas as medidas de segurança interna com os colaboradores, porém, a situação dos números da pandemia no município fez o Governo recuar da proposta inicialmente. 

Com o início da fase de transição em Camocim, a licença para funcionamento por parte do Governo surgiu novamente, porém, a demanda de produtos para exportação existente na filial daqui foi enviada para a filial da Democrata em Santa Quitéria, que está operando desde maio. 

A mensagem foi grava em vídeo e divulgada nas redes sociais. 

André Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário