quarta-feira, 5 de agosto de 2020

Abelhas bike: grupo de pedal feminino de Camocim ganha nome e adeptas

Você já deve ter notado que existem mais mulheres andando de bicicleta pelas ruas e avenidas de Camocim, atualmente. A prática está ganhando cada vez mais adeptos na cidade com um público majoritariamente feminino. Um deles é o Abelhas bike, um grupo formado por amigas que se juntaram para se exercitar coletivamente e hoje somam mais de 30 integrantes. 

Além de incentivar a pratica de exercícios físicos, a popularidade dos grupos de pedal que viraram febre em todo o Brasil, tem estimulado que mais mulheres conquistem sua autonomia, liberdade e segurança em uma atividade que até então era dominado por homens. 

Outro fator gerado pelos grupos de ciclismo de Camocim é o estímulo gerado ao comércio de bikes e oficinas de manutenção. O valor médio de uma bicicleta adaptada para a atividade custa em torno de R$ 1.200,00. As lojas do setor acumulam encomendas de bikes por conta da grande demanda. 

No último dia 30 de junho, uma jovem sofreu um atentado violento ao pudor na Avenida Marilago em Camocim quando pedalava sozinha pelo trecho. O relato da jovem nas redes sociais mobilizou a imprensa e a polícia a acompanhar o caso. A coragem de Fernanda levou o criminoso para a cadeia dias depois. 

O fato serviu de motivação para que mais mulheres possam pedalar em grupo e superar suas metas. Talvez isso explique um pouco o motivo porque o nome de um dos grupos se chame: Abelhas bike. Ninguém mexerá com um coletivo de abelhas destemidas.

André Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário