segunda-feira, 26 de abril de 2021

Assessor do Dep. André Fernandes discute com ativistas LGBT, em Sobral

O jovem Kawan Miranda, um dos assessores do Deputado Estadual, Andre Fernandes (PSL), discutiu com integrantes do movimento LGBT na cidade de Sobral, na manhã desta sexta-feira, 23. 

Tudo começou quando Kawan posou para fotos exigindo uma placa de trânsito com imagem de um “veado” animal silvestre na faixa colorida inserida pelo município em um semáforo do centro da cidade. Um grupo de ativistas da causa LGBT filmaram a ação indignados pela “piada” que o jovem estava fazendo. 

A discussão iniciou-se e Kawan questionava que a ação da Prefeitura feria as regras do Conselho Nacional de Trânsito - Contran. Os grupos divergente cobrava respeito à diversidade e classificaram o ato como LGBTfobia. 

Em nota, Kawan Miranda, respondeu que a faixa é ilegal, além de ter sido uma forma de provocar os apoiadores de Bolsonaro e que o ato feito por ele foi uma sátira para ironizar a decisão do prefeito que classificou como hipocrita e preconceituosa. 

A Comissão de Diversidade Sexual e Gênero da OAB Sobral emitiu nota de repúdio contra o ato de Kawan. 

O grupo de ativistas prometeu processar o assessor parlamentar nas esferas cíveis. 

Já o Deputado André Fernandes de informa que entrou com ação popular contra Ivo Gomes “em ração de pintura irregular em faixa de pedestre em Sobral”. 

André Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário