terça-feira, 15 de junho de 2021

Barracas de praia do Maceió começam a proibir uso de caixas de som portáteis

Barracas de praia famosas de Camocim, localizadas no Maceió começam a restringir o uso de equipamentos de som portáteis de baixa potência em seus ambientes. Foi o que informou um funcionário que trabalha na Taverna do Fabrízio, uma das mais visitadas do local. 

Consideradas febre no mercado, as caixas de som portáteis do tipo JBL se tornaram item bastante utilizado em ambientes de lazer e passeio como bares, barracas de praia e clubes.  Porém, seu uso está sendo questionado em vários desses ambientes. 

O um dos motivos alegados é a perturbação do sossego alheio devido a voltagem sonora. O que pode gerar acúmulo de equipamentos em um único ambiente. 

A restrição divide opiniões. 

Jericoacoara 

O caso mais famoso ocorreu em Jijoca, o Prefeito da cidade, Lindberg Martins, publicou recentemente um decreto municipal proibindo o uso de caixinhas de som na vila de Jeri sob a mesma alegação. 

André Martins

3 comentários:

  1. E muita falta do q fazer 😂😂😂😂😂

    ResponderExcluir
  2. Essas barracas deveriam era deixar de explorar os clientes ,e não proibir caixa de som.

    ResponderExcluir
  3. Então vai ser proibido música ao vivo? Kkkkkk, qual o critério?

    ResponderExcluir